Home / Destaque / Senado Federal gasta R$ 269,2 mil com frentistas e lavadores de carro

Senado Federal gasta R$ 269,2 mil com frentistas e lavadores de carro

plenaria

Em um ano, o Senado gastou R$ 296,2 mil com a contratação de frentistas e lavadores de carro. O serviço é executado por seis funcionários contratados pela empresa “Interativa Empreendimentos e Serviços de Limpeza e Construções Ltda”. No edital de licitação do contrato, o Senado Federal justifica que não dispõe das categorias profissionais objetos da licitação em seu quadro de servidores.

Levantamento da Associação Contas Abertas mostra que R$ 97,2 mil foram usados para contratar dois frentistas, que trabalham no controle de abastecimento dos veículos dos senadores. Outros R$ 172 mil foram usados para pagar quatro lavadores de carro. O edital explica que “há necessidade de dotar a Coordenação de Transportes do Senado Federal de uma equipe mínima para proceder à lavagem e abastecimento dos veículos que atendem aos Senadores e órgãos do Senado Federal”.

Os frentistas e lavadores são responsáveis por lavar e abastecer 92 veículos oficiais, sendo 81 dos senadores, quatro da direção da Casa, três da Secretaria de Polícia Legislativa, dois que ficam disponíveis para a Presidência do Senado e duas ambulâncias. Ainda de acordo com a apuração da Associação Contas Abertas, a jornada de trabalho dos funcionários é de 44 horas semanais, sendo: de segunda a sexta-feira 8 horas diárias, com uma hora de intervalo. Há, entretanto, um “banco de horas” com o objetivo de compensar eventuais horas extras.

Dentre as obrigações que têm que cumprir, os frentistas devem desenvolver atividades como abastecer os veículos, receber e controlar o abastecimento de combustível, registrando em formulários próprios e colhendo assinatura dos condutores nos formulários. Também são orientados a abastecer apenas a cota de combustível autorizada para cada veículo. Segundo o edital, eles devem proibir a entrada de pessoas alheias à sala de controle.

Ainda são responsáveis por verificar os níveis de combustível no posto de abastecimento da Coordenação de Transportes (Cotran) do Senado e avisar ao encarregado-geral se houver necessidade de reposição. Fazem também a verificação de níveis de óleo de motor e de líquidos no sistema de arrefecimento.

Limpeza geral

Já os lavadores de carro são responsáveis por executar os trabalhos de limpeza dos veículos do Senado, deixando-os impecáveis. Estão entre as atribuições do profissional: lavar, encerar e “dar brilho nas laterais dos pneus com uso produto específico”. Eles ainda operam máquinas de lavagem de veículo, executam a limpeza interna e lubrificam a lataria dos veículos e máquinas.

Congresso em Foco

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Vereadores de Bananeiras aprovam projeto de lei que garante isenção de IPTU para portadores de doenças crônicas

Os vereadores da Câmara de Bananeiras, PB, aprovaram em sessão ordinária projeto de lei do ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *