Em clássico brigado e polêmico, Argentina e Brasil ficam no zero a zero

Por Redação em 16/11/2021 às 22:40:59

Zero a zero brigado!

Em um jogo marcado por cotovelada em Raphinha, carretilha de Vini Jr., muitas faltas e um Brasil superior, a seleção brasileira ficou no empate em 0 a 0 com a Argentina, no Estádio Bicentenário, em San Juan, pela 14ª rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. Já classificado para o Mundial do Catar, o time comandado por Tite foi melhor em campo. Fred acertou o travessão e Vini Jr. quase marcou. Messi, craque da partida, foi bem marcado por Fabinho e só levou perigo em chute aos 45 do segundo tempo. A Seleção recheada de jovens segurou a pressão (e a porrada) argentina e brochou a festa em San Juan.

Não expulsou?!

Aos 33 minutos, o zagueiro Otamendi acertou uma cotovelada no meia-atacante Raphinha. O árbitro uruguaio Andres Cunha nem sequer marcou falta. O lance foi checado pelo VAR, comandado pelo também uruguaio Esteban Ostojich, árbitro da final da última Copa América, entre Brasil e Argentina. Mesmo após a revisão, nada foi marcado.

O brasileiro sofreu um corte no lábio e, mesmo sangrando, seguiu em campo. O jogador de 24 anos teve que levar cinco pontos na boca no intervalo da partida.


Globoesporte.com

Comunicar erro

Comentários