Banner Lives

Everton Ribeiro aponta versatilidade como trunfo por vaga na Seleção

De volta à Seleção Brasileira, Everton Ribeiro destacou a versatilidade como trunfo para seguir presente nas próximas convocações de Tite. O meio-campista [...]

Por Juka Martins em 11/10/2020 às 21:58:47

De volta à Seleção Brasileira, Everton Ribeiro destacou a versatilidade como trunfo para seguir presente nas próximas convocações de Tite. O meio-campista poderia ter sido titular na estreia nas Eliminatórias diante da Bolívia, mas Neymar se recuperou de dores a tempo de estar em campo. O jogador do Flamengo atuou por alguns minutos do segundo tempo e conta com a capacidade de se adaptar a mais de um lugar no setor ofensivo como uma de suas virtudes. "Fiquei muito feliz de estar retornando e entrando logo no primeiro jogo, isso é fruto de muito trabalho. O Tite conversou comigo antes do jogo, tinha a possibilidade de entrar no lugar do Neymar. Mas tem a opção de jogar em outras posições, tenho essa facilidade de jogar em mais de uma função ali na frente. Onde o professor precisar de mim, vou estar à disposição para fazer o meu melhor", disse o jogador.

Apesar da possibilidade jogar em mais de uma posição, a ideia é de que ele seja utilizado como um articulador no Brasil, função semelhante à que desempenha no Flamengo. "Eu conversei com o Tite, o que ele quer é que eu seja um armador, como no Flamengo. Devo jogar mais por dentro. Não sei se posso falar muito aqui porque tem técnico que não gosta que a gente fale muito de tática. Mas ele quer que eu clareie as jogadas. Independentemente de ser pela esquerda, por dentro ou pela direita, o Tite quer que eu articule as jogadas", pontuou. Destaque do Flamengo nas últimas temporadas, Everton considerou que está vivendo um de seus melhores momentos da carreira, aos 31 anos, e se disse preparado para repetir com a camisa da Seleção Brasileira as boas atuações que protagoniza no time rubro-negro.

Leia também

Arrascaeta lesiona a coxa em treino, desfalca Uruguai e preocupa Flamengo

Nadal atropela Djokovic e conquista 13º título em Roland Garros

Hamilton vence GP de Eifel e iguala recorde de Schumacher

"Me sinto preparado, estou muito feliz no meu clube, podendo fazer grandes jogos, e isso me dá força, confiança para poder chegar aqui e continuar fazendo o que faço no Flamengo, desempenhando as minhas qualidades dentro de campo", observou o meia, que entende que, além da versatilidade, um de seus diferenciais é o fato de ser canhoto. "É importante estar bem, canhoto ou destro, tenho que manter o meu melhor no Flamengo, continuar em alto nível, fazendo grandes jogos, para ser lembrado. Quando for chamado, treinar bem e fazer boas apresentações para ser convocado com frequência", concluiu. Depois de golear a Bolívia por 5 a 0 no seu primeiro desafio nas Eliminatórias, a Seleção Brasileira volta a campo na terça-feira para enfrentar o Peru, em Lima, pela segunda rodada da competição. O duelo está marcado para as 21h (de Brasília).

*Com informações do Estadão Conteúdo

Fonte: JP

Comentários

Happy Kids
Tapiocaria Silva