Home / Esportes / Vasco garante acesso à Série A com dois gols de Thalles no Maracanã

Vasco garante acesso à Série A com dois gols de Thalles no Maracanã

62948925_es-rio-dejaneiro-rj-26-11-2016-futebolcampeonato-brasileiro-2016serie-bultima-roda

Com 45 minutos de aflição e um segundo tempo de euforia, o Vasco garantiu a volta à Série A do Campeonato Brasileiro neste sábado, graças a uma virada sobre o Ceará no Maracanã, por 2 a 1 – com dois gols na etapa final. Desta forma, o time do técnico Jorginho não precisou contar os resultados dos adversários diretos na última rodada da Série B.

A torcida do Vasco até chegou a gritar o nome do Oeste durante o primeiro tempo, quando a derrota parcial para o Ceará ameava o acesso do time para a Série A (o êxito do time paulista comprometia o Náutico, que também brigava para subir). Mas, no final, a virada-relâmpago nos primeiros minutos do segundo tempo fez o público do Maracanã se soltar. Com a vitória na última rodada, o time carioca terminou a Série B em 3º lugar, com 65 pontos.

Além do Vasco, o Bahia também assegurou o acesso à Série A neste sábado, mesmo com uma derrota fora de casa (2 a 1) contra o Atlético-GO, o campeão da edição deste ano da Série B. O Avaí, que também já havia definido a volta à elite, é o outro integrante do quarteto que sobe em 2017.

Clima tenso no começo do jogo no Rio

Após uma dividida com o zagueiro Rodrigo, logo nos minutos iniciais de jogo, o atacante Bill levou uma encarada do vascaíno Rafael Marques. O clima esquentou entre os jogadores das duas equipes, mas o árbitro paulista Thiago Duarte Peixoto preferiu esfriar a confusão apenas na conversa, sem tirar o cartão amarelo do bolso.

Maracanã comemora gols do Oeste e grita nome do time

Com o Vasco tomando sufoco, em contra-ataques seguidos do Ceará, a torcida respirou aliviada quando soube do gol do Oeste, contra o Náutico. O anúncio da derrota parcial dos pernambucanos, aos 19 minutos do primeiro tempo, fez os fãs do time da casa festejarem no Maracanã.

O segundo gol do Oeste em Pernambuco chegou ao conhecimento da torcida do Vasco ainda antes do intervalo. Assim, apesar do revés parcial, o clube do Rio ia encaminhando seu retorno à Série A do país. Neste momento, no Maracanã, as arquibancadas passaram a gritar o nome do time paulista – em tom de protesto contra a falta de capacidade do próprio time.

Martin Silva faz milagres

Em apenas três minutos, o goleiro uruguaio salvou o Vasco duas vezes. Primeiro, aos 21, após um chute de longe de Felipe Menezes. Pouco tempo depois, Silva desviou para escanteio uma finalização perigosa, que saiu dos pés de Wescley.

Golaço de Eduardo

Com domínio da bola e presença constante no ataque, o Ceará conseguiu abrir o placar aos 27 minutos. O lateral esquerdo Eduardo acertou um chute potente de longa distância e venceu Martín Silva. A bola entrou no canto direito do goleiro uruguaio, alterando o placar a favor dos visitantes.

Thalles faz dois e vai para a galera

A agonia do torcedor vascaíno acabou de vez logo no início do segundo tempo, graças ao oportunismo de Thalles dentro da área. Aos 2 minutos, após um rebote do goleiro em chute de Eder Luís, o jovem atacante acertou uma bela finalização para empatar a partida. Quase em seguida, em um lance que começou num arremesso de lateral, o jogador voltou a balançar as redes, desviando de cabeça. A virada fez o herói da tarde tirar a camisa e correr em direção da torcida – o gesto lhe rendeu um cartão amarelo.

Susto com queda de torcedor

Após o segundo gol de Thalles, um susto esfriou a festa em um dos segmentos das arquibancadas do Maracanã. Na euforia da comemoração, um torcedor acabou caindo no gramado e precisou ser socorrido às pressas pelo atendimento médico do estádio. Ainda não há informações oficiais sobre o estado de saúde do vascaíno.

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

nico-rosberg-ultrapassou-hamilton-logo-no-comeco-de-prova-e-manteve-a-primeira-posicao-1472996001932_615x300

Na última corrida de Massa, Rosberg fica em 2° e é campeão mundial pela 1ª vez

Com direito a uma ultrapassagem arrojada para cima de Max Verstappen e um final emocionante, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *