Home / Geral / Profissionais de saúde discutem pré-natal de alto risco

Profissionais de saúde discutem pré-natal de alto risco

 

SONY DSC

 

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Um problema preocupante e que vem sendo compartilhado por todos os municípios da regional Patos, o encaminhamento de pré-natal de alto risco, foi tema de oficina e ampla discussão na manhã desta quarta-feira 17 no auditório do Sebrae, o Rodoshopping de Patos, da qual participaram médicos, enfermeiros e coordenadores da atenção básica.

O Grupo Condutor da Rede Cegonha da 6ª Região de Saúde, rede esta que busca assegurar às mulheres o direito ao planejamento reprodutivo, atenção humanizada da gravidez ao pós-parto, diante um quadro preocupante na regulação desse serviço, solicitou junto à Gerência de Saúde um momento de discussão sobre o tema com a Maternidade Dr. Peregrino Filho.

Com o auditório praticamente lotado, o médico Paulo Athaide, diretor clínico da Peregrino fez ampla explanação sobre situações que levam à gravidez de alto risco, o rito dos protocolos que devem assegurar o cuidar da saúde da mulher. Houve debate e reivindicações de melhorias no atendimento da Maternidade. “Foi um momento muito importante para que os profissionais tirassem suas dúvidas com Dr. Paulo e que possamos melhorar essa atenção tanto na Maternidade como na Atenção Básica”, comentou a gerente regional de saúde, Liliane Sena.

Marivalda Xavier, que faz parte do Grupo Condutor da Rede Cegonha, também destacou a importância desse encontro realizado em Patos, na busca de qualificar ainda mais a atenção ao pré-natal, a interligação do serviço do município com o da Maternidade.

Um dos assuntos mais discutidos pelo público presente foi o da referência e contra referência, ou seja, o município deve fazer o encaminhamento das dificuldades encontradas no pré-natal e a Maternidade, que possui atendimento para gestação de alto risco, devolver para o município o que avaliou da saúde da mulher, o que precisa ser feito com a gestante até de seu retorno à Maternidade.

A direção clínica da Peregrino Filho orientou os municípios a encaminharem ao setor responsável as gestantes de alto risco às terça e quartas-feiras a partir das 7h20. “Acredito que a partir dessa oficina os serviços irão melhorar na atenção às gestantes. Houve cobranças a todos, seja médico, enfermeira, da Maternidade, do município”, comentou Marivalda.

 

 

Marcos Eugênio (6ª GRS)

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

douglas-lucena

Prefeito de Bananeiras promete pagar 13º dos servidores efetivos

Douglas Lucena, prefeito da cidade de Bananeiras Há quase dois anos o discurso da maioria ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *