Home / Destaque / Porto de Cabedelo incluído no plano nacional de modernização

Porto de Cabedelo incluído no plano nacional de modernização

reuniao ministro dos portos em PE 2

A questão alfandegária foi um dos principais temas abordados em reunião com todas as autoridades portuárias do país e o ministro chefe da Secretaria de Portos da Presidência da República, Helder Barbalho, nesta terça-feira (26), no Porto de Suape, em Pernambuco. No encontro ficou definida a criação de alguns grupos de trabalho com objetivo de tratar de pauta comum a exemplo do plano de modernização, guarda portuária, dentre outros.

Logo após a reunião, a presidente da Companhia Docas da Paraíba, Gilmara Timóteo, informou que a Secretaria de Portos vai implantar um plano nacional de modernização dos portos. “A ideia é existir um modelo comum para todos. Um modelo só de estatuto, de regulamento. Isto vai facilitar a gestão portuária”, avaliou.

Com relação especificamente ao Porto de Cabedelo, a Secretaria de Portos assegurou a sinalização náutica, o projeto de aumento da dragagem para 11 metros; além da definição de áreas do porto que têm potencial para investimentos e a reestruturação do berço 101, área onde atracam os navios petroleiros.

Acatando proposta da presidente da Companhia Docas da Paraíba, Gilmara Temóteo, o ministro Helder Barbalho decidiu que a questão alfandegária dos portos será tratada em reunião em Brasília com os dirigentes da Receita Federal. A Secretaria de Portos vai intervir para solucionar o problema comum a diversos portos.

Na reunião realizada no dia 30 de novembro, 41 demandas foram pleiteadas pelos gestores dos portos e a Secretaria de Portos,  que atendeu a 64% desses pleitos, incluindo a pauta do Porto de Cabedelo. “Essas reuniões têm sido positivas”, concluiu a presidente da Companhia Docas da Paraíba.

O ministro agendou para 10 de março no Porto de Santos o próximo encontro com os gestores dos portos.

 

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Comissão da Câmara aprova porte de arma de fogo para proprietários e trabalhadores rurais

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados aprovou ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *