Home / Policia / Polícia prende suspeitos de envolvimento no latrocínio de vigilante na Capital

Polícia prende suspeitos de envolvimento no latrocínio de vigilante na Capital

policia-detem-suspeito-de-latrocinio-de-vigilante-na-capital1771

A Polícia Militar prendeu três homens e apreendeu um adolescente, na manhã desta quinta-feira (27), suspeitos de participar do latrocínio (roubo seguido de morte) do vigilante Heitor da Cunha Sampaio, de 34 anos, que aconteceu na noite dessa quarta-feira (26), na Avenida Aragão e Melo, no bairro da Torre, na capital.

Os quatro foram interceptados em um carro, na divisa dos bairros do Cristo Redentor e Cruz das Armas, e com eles foram encontrados dois revólveres calibre 38, além de um celular com informações que seriam sobre o crime que tirou a vida do vigilante.

De acordo com o sargento Gilmar Maia, do Regimento de Polícia Montada (RPMont), os quatro são da cidade de Santa Rita e vinham sendo acompanhados pelo Núcleo de Inteligência da 4ª Companhia Independente. “Eles moram em Santa Rita e vinham à capital todos os dias, em horários diferentes, para cometer assaltos, mas nesta quarta-feira conseguimos interceptá-los na entrada do bairro do Cristo Redentor, onde provavelmente eles iriam agir”, detalhou.

Dois dos presos têm 20 anos e o terceiro, 22. Um deles, que é foragido da cadeia pública de Mamanguape, estaria envolvido de forma direta no crime, segundo os policiais que realizaram a prisão, já que no celular encontrado com ele estavam as informações sobre o assalto que resultou na morte do vigilante. O adolescente apreendido tem 16 anos.

Os quatro foram levados à Delegacia de Polícia Civil, no bairro do Geisel. A Polícia agora está à procura do celular levado da vítima e da moto usada no crime.

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

41eeb4f888524123c6778ab280392e49_e

BALANÇO DAS OCORRÊNCIAS POLICIAIS DA 7ª CIPM (SOLÂNEA) DO FIM DE SEMANA

SECRETARIA DE ESTADO DA SEGURANÇA PÚBLICA E DA DEFESA SOCIAL POLÍCIA MILITAR 7ª COMPANHIA INDEPENDENTE ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *