Home / Policia / Polícia prende suspeito de tráfico de drogas e de fornecer armas e munições para a prática de homicídios em CG

Polícia prende suspeito de tráfico de drogas e de fornecer armas e munições para a prática de homicídios em CG

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) de Campina Grande, prendeu em flagrante, na manhã desta segunda-feira (5), Julio Martins da Silva, 27 anos. Ele é suspeito de praticar o crime de tráfico de drogas no bairro da Liberdade, na zona sul da cidade. A Polícia chegou até ele quando investigava uma informação anônima feita para o número 197 Disque Denúncia da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Sesds).

De acordo com o denunciante, Julio e outros dois homens seriam os responsáveis pela prática de vários crimes em Campina Grande, entre eles homicídios que teriam sido motivados pelo controle do tráfico de drogas ou por cobranças de dívidas nos pontos de vendas de entorpecentes controlados por eles. Os assassinatos teriam sido registrados no bairro da Liberdade, onde eles moram e controlam a distribuição de drogas. Julio também seria o responsável por fornecer as armas e munições para a prática dos crimes contra a vida.

A partir das informações, os agentes de investigação realizaram um levantamento na área para descobrir as pessoas que tinham as mesmas características físicas dos denunciados e onde eles comercializavam as drogas. Durante uma campana foi localizada a casa e na revista feita no local foram apreendidos um revólver calibre 38, com numeração raspada, um carregador para pistola 380, com numeração suprimida, munições de calibres 38 e 22, cerca de meio quilo de maconha e porções de cocaína em pó.

Julio foi encaminhado para Delegacia junto com o material apreendido. No celular dele a polícia encontrou várias fotos em que Julio aparece com um grupo de homens ostentando armas como fuzis, usados geralmente nas ações contra instituições bancárias. “O nosso trabalho não encerra com a prisão de Julio, vamos continuar as investigações para identificar e prender os outros dois homens e também saber se eles têm participação em grupos criminosos responsáveis por explosões de caixas eletrônicos”, disse o delegado Ramirez São Pedro.

Julio foi autuado por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo e munições. Ele foi encaminhado para a carceragem da Central de Polícia no Catolé, onde vai aguardar pela audiência de custódia. A autoridade policial pede para quem tiver informações sobre os outros dois homens apontados como companheiros de Julio na prática de crimes ligar para o número 197, não precisa se identificar e todas as informações serão investigadas.

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Polícia apreende armas de fogo, munições e drogas em baile funk na Capital

A Polícia Militar apreendeu seis armas de fogo, munições, e drogas durante uma operação na ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *