Home / Destaque / Polícia prende quatro suspeitos de assassinato em Alhandra

Polícia prende quatro suspeitos de assassinato em Alhandra

policia prende 4 suspeitos de assassinato em alhandra

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do trabalho desenvolvido pela equipe da Delegacia Seccional de Alhandra, deu cumprimento nesta quinta-feira (11) a quatro mandados de prisão de suspeitos de terem assassinado a pedradas John Máximo Cunegundes no dia 10 de janeiro deste ano, no município de Conde. Foram presos Geraldo Igor Ferreira Corrêa, de 24 anos, Joelson Nascimento dos Reis, de 21 anos, Joedson Nascimento dos Reis, de 20 anos, e Davi Lima da Silva, de 26 anos.

“O crime chocou a população do município pela crueldade com que foi cometido. Os quatro suspeitos mataram a vítima a pedradas por trás da lambada que existe no município de Conde, o que deixou a população revoltada. Após ouvir depoimentos e analisar as peças do Inquérito Policial, solicitei o mandado de prisão dos suspeitos e o pedido foi acatado pela Justiça”, relatou o delegado Aneilton Castro.

Núcleo de Homicídios – As prisões são consequência do trabalho desenvolvido de Núcleo de Homicídios da Delegacia Seccional de Alhandra, que completa um ano de atividades nesta quinta-feira (11). Segundo o delegado Aneilton Castro, o Núcleo de Homicídios fechou o ano de 2015 com índice de 70% de resolução e autoria nos Inquéritos Policiais daquela Seccional.

“Iniciamos as atividades do Núcleo de Homicídios em 11 de fevereiro de 2015 e tínhamos um índice de resolução de apenas 6%, cujos dados são referentes ao ano de 2013. Com uma equipe formada por uma delegada, cinco agentes e uma escrivã conseguimos dar celeridade à análise dos inquéritos e ao trabalho investigativo, resultando no aumento do índice de resolução/autoria para 70% no final de 2015”, explicou.

O Núcleo de Homicídios de Alhandra realizou 53 prisões no ano de 2015, além de ter desarticulado uma associação criminosa que atuava no município de Conde com o tráfico de drogas, quando foram presos 31 pessoas que faziam parte da associação durante as Operações Resgate, no primeiro semestre, e Obesidade, no segundo semestre.

“Em novembro de 2015 as Polícias Civil e Militar que atuam em conjunto na 6ª Área Integrada de Segurança Pública (Aisp) ocuparam a Comunidade do Conjunto Mangabeira, localizada no município de Caaporã, onde deram cumprimento a mandados de busca coletivo e mandados de prisão. Tudo isso é resultado do esforço e do trabalho integrado das Polícias na região da Seccional de Alhandra”, finalizou.

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Polícia prende quatro suspeitos e apreende drogas em ações contra o tráfico em João Pessoa

  A Polícia Militar prendeu quatro suspeitos de ter envolvimento com o tráfico de drogas ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *