Home / Notícias / Polícia prende homem suspeito de homicídio e assaltos a propriedades rurais de Queimadas

Polícia prende homem suspeito de homicídio e assaltos a propriedades rurais de Queimadas

Preso José Edivan Fernandes de Lima - Montanha -  Queimadas, 29.01.2016

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da equipe investigativa da Delegacia de Queimadas, prendeu nesta sexta-feira (29) José Edivan Fernandes de Lima, de 37 anos, em cumprimento a mandado de prisão expedido pela Justiça. A prisão aconteceu na cidade de Campina Grande, onde também foi realizada busca na residência do preso, na rua conhecida por “Beco da Morte”, no Bairro da Glória.

Segundo o delegado Victor Melo, o preso fazia parte de um grupo responsável por vários assaltos na zona rural de Queimadas e sua localização foi possível após a prisão de um de seus comparsas. “Contra o preso pesam acusações de roubos em Queimadas, principalmente a sítios na zona rural, onde o mesmo foi apontado por seu comparsa já preso, Isaías Félix da Silva, e também reconhecido por várias vítimas”, ressaltou.

“Dentre os sítios roubados e que as vítimas já reconheceram o acusado, podemos destacar duas propriedades na Baixa Verde e uma na Pedra do Sino, além de outros assaltos a motociclistas que estão sendo investigados. Além disso, o preso já responde a outros processos por crimes de homicídio, inclusive em um deles a vítima era seu próprio pai e uma tentativa de homicídio em que a vítima foi sua mãe”, explicou o delegado Victor Melo.

O preso José Edivan Fernandes de Lima já cumpria pena no regime semi-aberto no presídio do Monte Santo e estava foragido. Com a captura agora, será formalizada uma nova prisão e ele foi recolhido à Cadeia Municipal de Queimadas, onde aguarda a decisão da Justiça.

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Feirante é baleado na cabeça após tentar fugir de assalto, em João Pessoa

Um feirante foi baleado na cabeça, na noite desta segunda-feira (20), após tentar fugir de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *