Home / Policia / Polícia confronta suspeitos de explodir banco na cidade de queimadas

Polícia confronta suspeitos de explodir banco na cidade de queimadas

Arma apreendida na ação de Queimadas_Foto_Assessoria 3ªCIPM (2) Arma apreendida na ação de Queimadas_Foto_Assessoria 3ªCIPM (3)[1199743] Arma apreendida na ação de Queimadas_Foto_Assessoria 3ªCIPM (5)

A Polícia Militar interceptou a fuga do bando responsável por explodir, na madrugada desta terça-feira (30), dois cofres do Banco do Brasil da cidade de Queimadas, no Agreste da Paraíba. Na ação, houve troca de tiros e um dos criminosos morreu. O pernambucano Romilson Nunes Peixoto, de 36 anos, estava vestido com um colete balístico, armado com um fuzil calibre ponto 50 – de fabricação estrangeira – e com ele foram apreendidas mais de 30 munições de grosso calibre.

De acordo com a comandante da 3ª Companhia Independente, capitão Luciana Firme, os criminosos chegaram na cidade por volta de 1h e espalharam grampos em todo acesso de Campina Grande para o município. “Eles se dividiram, um grupo foi atacar o banco e o outro cercou a delegacia e o destacamento local, então as equipes da 3ª Companhia Independente da Polícia Militar montaram um cerco rapidamente na saída da cidade, no acesso à Boqueirão, foi onde aconteceu o confronto que culminou com a morte de um dos criminosos e na apreensão dessa arma que é de uso restrito”, contou.

Ainda segundo a comandante, os bandidos não levaram muito dinheiro. “Eles explodiram dois caixas, um deles só tinha documentos e o outro moedas e notas trocadas”, detalhou.

A arma, a munição e o colete à prova de balas apreendidos pela PM foram levados para a Delegacia da Polícia Civil, em Queimadas. A Polícia Militar realiza um cerco em toda região, já que outros dois criminosos também teriam sido feridos na ação.

 

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Operação Nômade apreende drogas, armas e simulacro durante ações da PM

Durante a Operação Nômade, a Polícia Militar apreendeu drogas, prendeu seis pessoas, apreendeu armas de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *