Home / Destaque / Moro ouvirá Dilma, que será testemunha de Odebrecht

Moro ouvirá Dilma, que será testemunha de Odebrecht

dilma-mao-na-cabeca1

Dilma foi convocada a depor como testemunha de Marcelo Odebrecht em uma ação que o presidente da empresa responde na Lava Jato. A ex-presidente já havia sido convocada em uma primeira ocasião, mas acabou alegando que prestaria o depoimento por escrito. A defesa do réu acabou desistindo de enviar perguntas à ela. Na época, ela usou como justificativa seu cargo. Mas agora, fora da presidência, precisará comparecer no julgamento ou, pelo menos, por videoconferência. O juiz do caso é Sérgio Moro.

Além de Dilma, outras 23 testemunhas foram apontadas por Odebrecht. Entre elas, a ex-presidente da Petrobras Graça Foster e José Gabrielli, o ex-ministro Guido Mantega e o próprio pai do réu, Emílio Odebrecht, segundo informações do ParanáPortal.

As denúncias contra Odebrecht e outros 14 réus, entre eles o ex-ministro Antônio Palocci, são por prática dos crimes de corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro relacionados à obtenção, pela empreiteira Odebrecht, de contratos de “afretamento de sondas” com a Petrobras.

noticiasaominuto

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

hqdefault

ASSISTA: Sobrevivente do voo da Chapecoense tem alta e grava vídeo de agradecimento

O comissário de bordo Erwin Tumiri, que sobreviveu à queda do avião que levava o ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *