Home / Destaque / Ministro admite colapso de água em Campina e prevê maior seca em 100 anos

Ministro admite colapso de água em Campina e prevê maior seca em 100 anos

O ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, revelou em contato com os jornalist as Andreza Matais e Marcelo de Moraes, que o Governo já prevê o prolongamento da estiagem com a maior seca dos 100 anos e, nesse contexto, admite a possibilidade de Campina Grande viver o colapso de água.

Ele admitiu ainda que “o governo prepara uma campanha publicitária direcionada ao Nordeste para informar que a região vai entrar no sexto ano consecutivo de estiagem. Será a seca mais prolongada dos últimos 100 anos. A última crise foi entre 1910 e 1915”.

O ministro da Integração, Helder Barbalho, não descarta um colapso na região metropolitana de Campina Grande (PB), com falta de água para o consumo humano já em abril, e problemas pontuais em Fortaleza. “Estamos monitorando para encontrar soluções para os grandes centros urbanos, nos quais pode ocorrer um colapso.”

– A estratégia do governo com a campanha é evitar que o presidente Michel Temer seja responsabilizado pela falta d’água numa região em que é impopular. O governo avalia que, se preparar a população para o problema, a reação será minimizada. O ministro diz, contudo, que não tem informação sobre esse assunto.

– Obras estruturantes e novas adutoras não ficarão prontas a tempo de resolver o problema, que bate à porta. O governo tem usado carros-pipa. São 6.800 atendendo 3.500 localidades. E se queixa de que alguns Estados não fizeram a sua parte.

Da Redação com wscom

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

PF cumpre mandados de prisão de acusados de fraudes em fundos de pensão

Policiais federais cumprem hoje (12) dez mandados de prisão contra acusados de fraudar os fundos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *