Home / Destaque / Major Fábio detona Cartaxo e fala sobre alianças “oportunistas”

Major Fábio detona Cartaxo e fala sobre alianças “oportunistas”

majorFábio-1024x672

Diante da filiação confirmada do ex-deputado Major Fábio ao PTB, aliança que será selada na próxima segunda-feira, 15, surgem especulações em torno da proposta lançada pela legenda ao ex-parlamentar, e da situação do partido nas eleições desse ano.

Em entrevista na tarde de hoje, Major Fábio esclareceu sobre as questões referentes à sua opção pela sigla e ao retorno à política paraibana.

O ex-parlamentar afirmou categoricamente que a sua volta ao cenário político do estado é resultado da motivação em querer fazer a diferença. O Major alegou que a sua real intenção é de produzir um governo assistencialista aos paraibanos, em especial aos pessoenses, que sofrem com uma gestão defasada e precisam de apoio.

“Estou voltando para política pra fazer mais diferença ainda, estou voltando pra política pra ser mais honesto do que fui até agora. Pra os nossos paraibanos. Pra mim política é um serviço, um grande serviço. Não é fonte de renda. Sou aposentado da polícia militar da PB. Não estou voltando por dinheiro. Se fizessem uma pesquisa com os paraibanos com relação à saúde e segurança de João Pessoa, e pedissem para inferir uma nota para essas categorias, tenho certeza de que não passaria de 5, sendo otimista. Porque a saúde e a segurança da capital estão terríveis. Se não chegamos no fundo do poço ainda, estamos perto de chegar” disse.

O ex-deputado falou sobre a situação da segurança na capital e revelou índices alarmantes, traçando paralelos com outras capitais que vivenciam o mesmo déficit.

“.Quero ajudar João Pessoa a sair dessa situação. A nossa capital já é a quarta cidade mais violenta do Brasil. A décima sexta mais violenta do mundo. São 58 homicídios por cada 100 mil habitantes, e reafirmo que não há verdade além disso. Fora disso é politicagem. Vivemos um momento que não vivemos antes. Estamos pior do que Maceió. Estamos empatados com Salvador, Natal e Fortaleza” afirmou.

Ao ser indagado sobre a filiação à nova legenda diante da atual situação do PTB e  dos escândalos atravessados pelo partido, Major Fábio afirmou que selará aliança com a sigla a convite do deputado Wilson Filho juntamente com o vereador Raoni Mendes em prol do projeto itinerante desenvolvido pelos parlamentares, o qual ele não abre mão. O ex-deputado disse ainda que reafirma o seu desejo de fazer uma política diferente, isenta de alianças oportunistas, como as que foram sugeridas injustamente em forma de acusação quando de sua candidatura a governador do estado no passado.

“O deputado Wilson Filho nos convidou juntamente com o vereador Raoni Mendes. Disseram que estão construindo um plano de governo pra João Pessoa. Estão indo para os bairros, ouvindo as propostas dos moradores de João Pessoa. Fazendo um trabalho itinerante e pediram minha ajuda. E eles sabem que nós não vamos abrir mão disso. Quando eu fui candidato a governador, onde todos achavam que eu estava blefando, achando que eu ia abrir mão na reta final, porque conhecem a forma como é feita a política no Brasil, pensavam que eu ia passar pra um dos candidatos na reta final. Pra conseguir dinheiro pra minha candidatura a deputado federal, porque se eu fizesse política com o intuito somente de vencer eleição hoje eu era deputado federal, o meu filho era deputado estadual e ainda tinha arrumado vaga pra mias gente. Estou ingressando num partido que tem uma proposta de candidatura majoritária.  Eu irei até o fim com o projeto de candidatura própria do PTB pra prefeito de João Pessoa. Estarei me filiando na próxima segunda-feira, 15, ao PTB” concluiu.

 

pbhoje

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Presidente da Aliança LGBTI requer aposentadoria por “homossexualismo”

O diretor-presidente da Aliança Nacional LGBTI, Toni Reis, enviou esta segunda-feira um e-mail ao governo ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *