Home / Esportes / Flamengo bate Chapecoense e pula para vice-liderança

Flamengo bate Chapecoense e pula para vice-liderança


2f2f0137-a91a-4882-a503-4d2b9ffc2442

O Flamengo segue firme na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Com mais um bom desempenho na competição nacional, o Rubro-negro venceu a Chapecoense por 3 a 1, neste domingo (28), na Arena Condá, em Chapecó (SC). Forte em casa, a equipe catarinense não teve sucesso diante de um jogo coletivo eficiente dos cariocas. Diego, Leandro Damião e Mancuello foram os responsáveis pelos gols – Kempes fez para os donos da casa.

O resultado importante fez o Flamengo pular para a vice-liderança do Brasileirão. O clube da Gávea soma agora 40 pontos, três atrás do líder Palmeiras. Já a Chapecoense está em 10º lugar e tem 30 pontos. Os times voltam a campo no feriado de 7 de setembro (quarta-feira). Os catarinenses visitam o Santa Cruz, às 16h, no Arruda. Já os cariocas recebem a Ponte Preta, às 21h45, em Cariacica.

Diego volta a marcar em segundo jogo pelo Flamengo

O meia Diego voltou bem ao futebol brasileiro e foi mais uma vez o destaque na segunda partida com a camisa do Flamengo. O camisa 35 tem sido o organizador do time e apareceu com categoria na frente para abrir o placar em Chapecó.

Quem vacilou – Josimar

O volante da Chapecoense abusou das faltas e já tinha cartão amarelo quando cometeu pênalti em cima de Guerrero. A jogada era para expulsão, mas o árbitro Caio Max Augusto Vieira economizou. Foi o suficiente para o técnico Caio Júnior substituí-lo por Sérgio Manoel logo na sequência e não correr o risco de ficar com menos um jogador na partida.

Flamengo joga com inteligência e cadencia partida para vencer

Os cariocas tiveram um desafio complicado pela frente e optaram por cadenciar o jogo na expectativa de surpreender a Chapecoense em seus domínios. O Flamengo trabalhou bastante o toque de bola. Embora não tenha criado muitas oportunidades, o time conseguiu o suficiente para vencer. Os gols de Diego, Leandro Damião e Mancuello colocaram o Rubro-negro na vice-liderança do Campeonato Brasileiro.

Chapecoense foge das características e pouco ameaça na Arena Condá

Conhecida por pressionar os adversários na Arena Condá, a Chapecoense passou longe do padrão contra o Flamengo. Os catarinenses pouco criaram e insistiram nas bolas aéreas alçadas ainda da intermediária, comportamento que facilitou consideravelmente os cortes da defesa rubro-negra. Os donos da casa até melhoraram no segundo tempo, mas não o suficiente para brigarem pela vitória.

CHAPECOENSE 1 X 3 FLAMENGO

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC) Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN) Auxiliares: Flávio Gomes Barroca (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN) Cartões amarelos: Martinuccio, Josimar e Gimenez (Chapecoense) Gols: Diego, aos 10min do primeiro tempo; Kempes, aos 41min do primeiro tempo; Leandro Damião, aos 25min do segundo tempo; Mancuello, aos 45min do segundo tempo

Chapecoense Danilo; Gimenez, Thiego, Filipe Machado e Dener Assunção; Gil, Josimar (Sérgio Manoel) e Cleber Santana e Martinuccio (Lucas Gomes); Hyoran (Arthur Maia) e Kempes Técnico: Caio Júnior

Flamengo Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego (Cuéllar); Gabriel (Mancuello), Everton (Leandro Damião) e Guerrero Técnico: Zé Ricardo

UOL

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

McGregor está fora do UFC 219 após confusão no Bellator, relata dirigente

Asituação de Conor McGregor no UFC ficou complicada depois do que o lutador fez no último ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *