Home / Esportes / Fla marca no fim, vence Ponte e mantém caça ao Palmeiras na liderança

Fla marca no fim, vence Ponte e mantém caça ao Palmeiras na liderança

diego-do-flamengo-tenta-escapar-da-marcacao-da-ponte-preta-1473301277227_615x300

O Flamengo nunca esteve tão vivo na luta pelo heptacampeonato brasileiro. Nesta quarta-feira, a equipe bateu a Ponte Preta por 2 a 1 no estádio Kleber Andrade, em Cariacica, com requintes de crueldade. O gol da vitória veio apenas aos 45min do segundo tempo. A diferença para o Palmeiras, porém, segue a mesma, já que o Alviverde venceu o clássico contra o São Paulo. Gabriel  e Fernandinho marcaram para o Fla, e Willian Pottker descontou.

Com os resultados, o Flamengo chegou aos 43 pontos e segue a três do Palmeiras, com 46 – antes da rodada, os paulistas já tinham os mesmos três pontos dos cariocas. O Rubro-negro volta a campo no sábado, quando medirá forças com o Vitória, no Barradão. Já o Alviverde encara o Grêmio, em Porto Alegre. A Ponte recebe o América-MG, no domingo, em Campinas.

Entrou, marcou e provocou: Willian Pottker e quase esfria sonho do Fla

Em determinado momento, o Flamengo dividia a liderança com o Palmeiras, ambos com 43 pontos. Willian Pottker, porém, saiu do banco para mudar a prosa. Entrou no segundo tempo e deixou a marca na primeira chance que teve. Para piorar, o Alviverde conseguiu a virada sobre o São Paulo, deixando a diferença para liderança em cinco pontos. O Fla, porém, mostrou força, arrancou a vitória na marra e manteve a diferença em três pontos.

Maracanã capixaba! Flamengo mantém 100% de aproveitamento em Cariacica

O Flamengo manteve os 100% de aproveitamento no Kleber Andrade, em 2016. Após bater a Ponte Preta, o time acumula seis vitórias em seis jogos. O estádio Kleber Andrade tem recebido grande público nos jogos do Rubro-negro, que apelidou a casa como o “Maracanã capixaba’.

Do fim da fila à titularidade: a volta por cima de Gabriel no Flamengo

Por muitas vezes, Gabriel ficou de fora até do banco de reservas no Flamengo. Trabalhando quieto, o jovem atacante deu a volta por cima e hoje superou a concorrência pesada de Mancuello, Marcelo Cirino e Alan Patrick para ser titular do Rubro-negro. Após se destacar no primeiro tempo com um gol, o jogador passou mal no vestiário e acabou substituído por Cirino.

Bolas murchas roubam a cena em jogo

Um dos papéis do quarto árbitro, antes do jogo, é verificar a pressão de todas as bolas envolvidas no espetáculo. Ao que tudo indica, Devarly Lira do Rosario faltou essa aula. A arbitragem teve que parar o jogo em cinco oportunidades após reclamações dos jogadores com bolas que estavam murchas.

FLAMENGO 2 X 1 PONTE PRETA

Data e hora: 07/09/2016, quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília)
Local: Kléber Andrade, Cariacica (ES)
Árbitro: Francisco Carlos de Nascimento (AL)
Auxiliares: Esdras Mariano de Lima (AL) e Pedro Jorge Santos (AL)
Gols: Gabriel, aos 13min do primeiro tempo; Willian Pottker, aos 21min, Fernandinho, aos 45min do segundo tempo;
Cartões amarelo: Clayson e Reinaldo (PON)  (FLA)

FLAMENGO
Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo (Mancuello), Willian Arão e Diego; Gabriel (Marcelo Cirino), Everton (Fernandinho) e Leandro Damião
Técnico: Zé Ricardo

PONTE PRETA
Aranha, Nino Paraíba, Douglas Grolli, Fábio Ferreira e Reinaldo; João Vitor (Felipe Azevedo), Wendel e Thiago Galhardo; Rhayner (Abuda), Clayson e Roger (Willian Pottker)
Técnico: Eduardo Baptista

Uol

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

McGregor está fora do UFC 219 após confusão no Bellator, relata dirigente

Asituação de Conor McGregor no UFC ficou complicada depois do que o lutador fez no último ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *