Home / Esportes / Fla marca no fim, vence Ponte e mantém caça ao Palmeiras na liderança

Fla marca no fim, vence Ponte e mantém caça ao Palmeiras na liderança

diego-do-flamengo-tenta-escapar-da-marcacao-da-ponte-preta-1473301277227_615x300

O Flamengo nunca esteve tão vivo na luta pelo heptacampeonato brasileiro. Nesta quarta-feira, a equipe bateu a Ponte Preta por 2 a 1 no estádio Kleber Andrade, em Cariacica, com requintes de crueldade. O gol da vitória veio apenas aos 45min do segundo tempo. A diferença para o Palmeiras, porém, segue a mesma, já que o Alviverde venceu o clássico contra o São Paulo. Gabriel  e Fernandinho marcaram para o Fla, e Willian Pottker descontou.

Com os resultados, o Flamengo chegou aos 43 pontos e segue a três do Palmeiras, com 46 – antes da rodada, os paulistas já tinham os mesmos três pontos dos cariocas. O Rubro-negro volta a campo no sábado, quando medirá forças com o Vitória, no Barradão. Já o Alviverde encara o Grêmio, em Porto Alegre. A Ponte recebe o América-MG, no domingo, em Campinas.

Entrou, marcou e provocou: Willian Pottker e quase esfria sonho do Fla

Em determinado momento, o Flamengo dividia a liderança com o Palmeiras, ambos com 43 pontos. Willian Pottker, porém, saiu do banco para mudar a prosa. Entrou no segundo tempo e deixou a marca na primeira chance que teve. Para piorar, o Alviverde conseguiu a virada sobre o São Paulo, deixando a diferença para liderança em cinco pontos. O Fla, porém, mostrou força, arrancou a vitória na marra e manteve a diferença em três pontos.

Maracanã capixaba! Flamengo mantém 100% de aproveitamento em Cariacica

O Flamengo manteve os 100% de aproveitamento no Kleber Andrade, em 2016. Após bater a Ponte Preta, o time acumula seis vitórias em seis jogos. O estádio Kleber Andrade tem recebido grande público nos jogos do Rubro-negro, que apelidou a casa como o “Maracanã capixaba’.

Do fim da fila à titularidade: a volta por cima de Gabriel no Flamengo

Por muitas vezes, Gabriel ficou de fora até do banco de reservas no Flamengo. Trabalhando quieto, o jovem atacante deu a volta por cima e hoje superou a concorrência pesada de Mancuello, Marcelo Cirino e Alan Patrick para ser titular do Rubro-negro. Após se destacar no primeiro tempo com um gol, o jogador passou mal no vestiário e acabou substituído por Cirino.

Bolas murchas roubam a cena em jogo

Um dos papéis do quarto árbitro, antes do jogo, é verificar a pressão de todas as bolas envolvidas no espetáculo. Ao que tudo indica, Devarly Lira do Rosario faltou essa aula. A arbitragem teve que parar o jogo em cinco oportunidades após reclamações dos jogadores com bolas que estavam murchas.

FLAMENGO 2 X 1 PONTE PRETA

Data e hora: 07/09/2016, quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília)
Local: Kléber Andrade, Cariacica (ES)
Árbitro: Francisco Carlos de Nascimento (AL)
Auxiliares: Esdras Mariano de Lima (AL) e Pedro Jorge Santos (AL)
Gols: Gabriel, aos 13min do primeiro tempo; Willian Pottker, aos 21min, Fernandinho, aos 45min do segundo tempo;
Cartões amarelo: Clayson e Reinaldo (PON)  (FLA)

FLAMENGO
Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo (Mancuello), Willian Arão e Diego; Gabriel (Marcelo Cirino), Everton (Fernandinho) e Leandro Damião
Técnico: Zé Ricardo

PONTE PRETA
Aranha, Nino Paraíba, Douglas Grolli, Fábio Ferreira e Reinaldo; João Vitor (Felipe Azevedo), Wendel e Thiago Galhardo; Rhayner (Abuda), Clayson e Roger (Willian Pottker)
Técnico: Eduardo Baptista

Uol

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

nico-rosberg-ultrapassou-hamilton-logo-no-comeco-de-prova-e-manteve-a-primeira-posicao-1472996001932_615x300

Na última corrida de Massa, Rosberg fica em 2° e é campeão mundial pela 1ª vez

Com direito a uma ultrapassagem arrojada para cima de Max Verstappen e um final emocionante, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *