Home / Destaque / BRASILEIRO DA OMS: DENGUE É MAIS GRAVE QUE CHIKUNGUNYA E ZIKA JUNTOS

BRASILEIRO DA OMS: DENGUE É MAIS GRAVE QUE CHIKUNGUNYA E ZIKA JUNTOS

images-cms-image-000480810

Integrante do comitê de especialistas da OMS (Organização Mundial de Saúde), o virologista brasileiro Pedro Vasconcelos fez um alerta e disse que o mundo, não só o Brasil, está perdendo a guerra contra o mosquito Aedes Aegypti. “Todos os países hoje sendo anunciados com zika também têm dengue e chikungunya. Há perda global da espécie humana para a espécie Aedes aegypti”, disse.

No entanto, para ele, a principal questão deveria ser a crise da dengue: “A OMS estima a ocorrência de 300 milhões de infecções por dengue por ano, das quais 100 milhões com sintomas. Aproximadamente 50 mil doentes morrem por ano. A dengue é negligenciada. Parece banalizada no mundo todo. Mas é mais grave que chikungunya e zika juntos”, afirmou ele, em entrevista à ‘Folha de S. Paulo’.

O virologista disse ainda não ter dúvidas sobre o zika ser a causa da microcefalia: “Mas a outra pergunta é: todos os casos investigados de microcefalia no Brasil são causados pelo vírus zika? Provavelmente não, pois há outras causas: toxoplasmose, citomegalovírus, sífilis. Mas esse aumento intenso foi pelo zika” (leia mais).

brasil247

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

Câmara aprova fim de coligações partidárias nas eleições proporcionais a partir de 2020

Depois de várias tentativas de votação, o plenário da Câmara aprovou no fim da noite ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *