Home / Destaque / Bancários não descartam greve devido a fechamento de agências do Banco do Brasil

Bancários não descartam greve devido a fechamento de agências do Banco do Brasil

201608310806410000006582

O Sindicato dos Bancários da Paraíba realiza a partir das 18h30 desta terça-feira (22), em sua sede na Capital, assembleia é para discutir os impactos com o plano de reestruturação do Banco do Brasil. A intenção da direção do BB é fechar agências e lançar um plano de aposentadoria incentivada.

Hoje pela manhã a direção do sindicato esteve reunida com a superintendência do Banco do Brasil discutindo as questões inerentes aos estados. “O resultado desse encontro será avaliado na assembleia”, revelou um servidor do sindicato.

De acordo com o presidente do sindicato, Marcus Henrique, serão fechadas 11 agências na Paraíba. “São quatro em João Pessoa, uma em Campina Grande e as demais no interior do estado”, informa.

Ainda segundo Marcus Henrique, na quinta-feira (24), o comando nacional dos bancários se reúne para analisar os reflexos desse plano de reestruturação e elaborar um calendário de lutas. “A greve não está descartada”, revelou.

Marcus Henrique condenou o plano de reestruturação do BB e o chamou de maléfico para a sociedade. “A intenção da direção do  banco é maximizar os lucros  e ofertar um péssimo serviço  à população”.

Em nível nacional, o plano de reestruturação do BB prevê o fechamento de 31 superintendências regionais e 402 agências. Outras 379 agências serão transformadas em postos de atendimento bancário. Atualmente, o BB tem 4.972 agências de varejo e 1.781 postos de atendimento. Em outubro, o banco já havia iniciado o encerramento de 51 agências.

Com a reestruturação, haverá redução de 9,3 mil vagas no quadro do banco.

O BB  que tem atualmente 109.159 funcionários pretende incentivar a aposentadoria de 18 mil funcionários através de adesão voluntária ao Plano Extraordinário de Aposentadoria Incentivada.

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

IMG_1284-e1493082553798

Polícia prende suspeito de matar agente de trânsito em blitz da ‘Lei Seca’ na PB

Rodolpho Carlos foi preso cerca de 90 dias depois do caso Foi preso nesta segunda-feira ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *