Home / Geral / Artesanato paraibano movimenta mais de R$ 100 mil na Feira Brasil Original, em São Paulo

Artesanato paraibano movimenta mais de R$ 100 mil na Feira Brasil Original, em São Paulo

festival-de-turismo-de-joao-pessoa-foto-francisco-fran_a-secom-pb-3 festival-de-turismo-de-joao-pessoa-foto-francisco-fran_a-secom-pb-4 festival-de-turismo-de-joao-pessoa-foto-francisco-fran_a-secom-pb-10 festival-de-turismo-de-joao-pessoa-foto-francisco-fran_a-secom-pb-14

O artesanato paraibano alcançou sucesso de vendas durante a Feira de Artesanato Brasil Original 2016, que foi realizada no Centro de Exposições Anhembi, Pavilhão Oeste, em São Paulo (SP), no período de 20 a 23 de outubro. Nesta segunda-feira (24), a coordenação do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP) contabilizou e divulgou os números resultantes com um volume de vendas de R$ 102.376,00 na comercialização de 2.002 peças de 22 artesãos que representaram o Estado.

Apenas na abertura do evento (20), a comitiva paraibana comercializou R$ 19 mil na venda de 233 peças para lojistas e turistas. “Um resultado fantástico! Nossos artesãos, a maioria, voltaram para a Paraíba com quase nada de mercadoria. Outros venderam todo seu estoque. Dona Ana Lucia, da renda renascença, está extremamente satisfeita, pois nunca participou de uma feira nacional. Vendeu bem e recebeu mais de 7 mil em encomendas e, nós do Governo do Estado estamos felizes por mais uma vez concretizarmos as nossas metas”, comemorou a gestora do PAP, Lu Maia.

Produtos artesanais – Entre as peças selecionadas e escolhidas criteriosamente pelos curadores do PAP, estavam as habilidades do artesanato indígena, brinquedos populares, metais, tecelagem, madeira, cerâmica, fibras e fios, além de produtos confeccionados em couro, algodão colorido e até cachaças genuinamente paraibanas.

Brasil Original – Participaram do evento artesãos, gestores, empresários, pessoas com interesse em abrir negócios e consumidores. Ainda esteve disponível ao público estandes de consultoria individual, palestras sobre orientação empresarial coletiva, oficinas de artesanatos, além de um espaço voltado para atendimento do Sebrae, onde foram oferecidas consultorias de marketing, administração, comércio exterior, financeira e jurídica. O evento é uma realização do Sebrae com o apoio do Programa de Artesanato Brasileiro (PAB) e Governo Federal.

Sobre Cristiano Ricelli

Cristiano Ricelli

Veja Também

douglas-lucena

Prefeito de Bananeiras promete pagar 13º dos servidores efetivos

Douglas Lucena, prefeito da cidade de Bananeiras Há quase dois anos o discurso da maioria ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *